Arquivos de sites

Acontecendo no 3º. Distrito

O 3º. Distrito Escoteiro do Rio Grande do Sul segue no seu caminho de estruturação e de criar uma identidade. Os jovens estão sendo aproximados, os chefes se conhecem e estamos progredindo como distrito. Há pouco meses foi concluído o concurso para criação de uma logo distrital, sendo escolhida por votação de todos os grupos a proposta do pioneiro Henrique Tavares Schubert.

Em julho o ramo sênior realizou o Rapel Distrital, no Morro da Cabrita, com instrutor qualificado que opera a base de apoio Refúgio Sonho do Montanhista, no município de Tabaí, junto ao pé do morro.

Também em julho foi realizada uma Palestra Informativa na cidade de General Câmara e no dia 26 de agosto realizamos reunião dos grupos do distrito nesta cidade, com o objetivo de estimular a reabertura do Grupo Escoteiro João Pellizzari de Almeida, que já conta com Autorização Provisória e adultos inscritos para o Curso Preliminar.

No 7 de setembro o distrito desfilou na cidade de Arroio dos Ratos, a convite do Grupo Escoteiro Cerro da Raposa. No dia 20 de setembro o desfile será em Triunfo.

Nos dia 8 e 9 de setembro foi realizado em Triunfo o Primeiro Acantonamento Distrital do ramo Lobinho com a participação de aproximadamente 50 lobinhos do distrito.

Todos os grupos já foram visitados pelo menos uma vez em 2017.

As próximas atividades incluem a realização pelo Distrito do Elo, em outubro e a participação no jantar de aniversário promovido pelo Grupo Escoteiro Jacuí.

Anúncios

Desfile de 7 de Setembro

Pela primeira vez na sua história de 27 anos, o Grupo Escoteiro Chama Farroupilha desfilou na capital do estado, em Porto Alegre, no desfile cívico comemorativo ao 7 de setembro. Parte da Promessa Escoteira, cumprir os deveres para com a Pátria vai muito além de desfilar, mas o ato cívico espontâneo reforça este compromisso.

DSC05589

Sete chefes do Chama presentes, com o reforço do chefe Marcos Birck e do Sênior Henrique Schubert na foto.

Os preparativos iniciaram muito cedo, pois era necessário estar na concentração em Porto Alegre as 8 horas, para iniciar o desfile as 10 horas. Foi preciso sair de Triunfo antes das 6 horas da manhã.

DSC05604

Tropa sênior na concentração, aguardando o início do desfile.

DSC05595

Vistos pelo outro lado …

DSC05593

Tropa escoteira em formação na concentração, aguardando o início do desfile.

DSC05616

Todo o contingente treinando a saudação a ser feita na avenida, durante o desfile.

DSC05612

Preparativos finais para a largada, ainda na concentração.

DSC05618

Enfim, desfilando.

DSC05622

Na Redenção, ponto de dispersão do desfile, momentos antes do retorno para Triunfo. O contingente de Triunfo contava 19 integrantes, ausente na foto o chefe Eduardo Valentin que já havia partido.

ESCOTISMO E TRADICIONALISMO

O mês de Setembro é marcado pelo orgulho gaúcho, pois o dia 20 de setembro marca o início da Revolução Farroupilha, no distante ano de 1835.

Há quem desconheça, mas a organização do Tradicionalismo Gaúcho, como movimento estruturado e sistematizado tem raízes profundas no Escotismo, conforme nos explica uma das maiores autoridades no assunto, Antônio Augusto Fagundes, em artigo publicado no Jornal Zero Hora, em 2010 e exposto na íntegra abaixo. Pasmem os senhores, mas a nomenclatura utilizada na Patronagem (a diretoria) de um CTG (Centro de Tradições Gaúchas) nasceu em uma tropa escoteira, através de Glaucus Saraiva, o chefe Uirapuru, e depois aplicada na fundação do 35 CTG, o primeiro CTG criado, conforme detalhadamente relatado no artigo.

A cidade de Triunfo, RS, sede do Grupo Escoteiro Chama Farroupilha 183 é a cidade natal do líder máximo da Revolução Farroupilha, General Bento Gonçalves da Silva. A casa onde ele nasceu existe até hoje, assim como a igreja onde ele foi batizado e que foi construída em 1754.

Casa onde nasceu o Gen. Bento Gonçalves

Igreja Matriz de Triunfo, em louvor a Nosso Senhor Bom Jesus do Triunfo e Nossa Senhora do Rosário

Devido a tantos laços, a data de 20 de setembro é amplamente comemorada nesta cidade, com participação do escotismo sempre destacada. Da mesma forma, quando o grupo viaja para eventos fora do estado, também costuma divulgar a cultura gaúcha, com estes estreitos laços escoteiros.

22 Jamboree Mundial, Suécia, 2011. “Baile gaúcho, cordeona e china bonita. Não se acredita no poder desta infusão.”

22 Jamboree Mundial, Suécia, 2011

21 Jamboree Mundial, Inglaterra, 2007

Leonardo Schmidt Costa, o gaiteiro do GE Chama Farroupilha no 21 Jamboree Mundial, Inglaterra 2007

D. Yedda Roth e Ernesto Fagundes, uma das maiores expressões do Tradicionalismo, presente no desfile triunfense de 2007

20 de setembro de 2007, chefia (traje escoteiro)e diretoria (pilcha)aguardando o início do desfile

19 Jamboree Mundial, Chile, 1999. Bombacha presente.

GE Chama Farroupilha após o desfile de 20 de setembro de 1998. Ao fundo a torre da Igreja Matriz